Paraná poderá antecipar retirada da vacinação contra a aftosa


Segundo o ministério, Estado tem apenas pequenas inconformidades para resolver

O Paraná deve antecipar para maio do ano que vem a retirada da vacinação contra a febre aftosa se resolver pequenas inconformidades, disse nesta sexta-feira, 5, o Ministério da Agricultura. Entre as inconformidades verificadas está a necessidade de melhorias em postos fiscais. Inicialmente, o Estado deixaria de vacinar o rebanho apenas em 2021. O diretor do Departamento de Saúde Animal (DSA) do Ministério, Guilherme Marques, disse, em nota, que o ministério enviará a autoridades paranaenses ainda neste mês o relatório das inconformidades encontradas em duas auditorias realizadas ao longo deste ano. Elas deverão informar quando resolverão as pendências.

Os pontos que o Mapa está focando no Paraná são a estruturação dos postos fixos de entrada e saída de animais nas divisas do Estado, bem como o controle de trânsito, pois o Estado terá que garantir que os animais e seus produtos e subprodutos estão sendo fiscalizados. Além disso, precisará ter maior controle e vigilância quando não houver mais a proteção da vacinação.

A chefe da Seção de Saúde Animal da Superintendência Federal da Agricultura do Paraná, Juliana Azevedo Castro, afirma que “o Estado foi submetido em janeiro a auditoria do Programa Quali SV – Qualidade e Serviço Veterinário”, sendo bem avaliado. Durante o ano, o serviço veterinário estadual pediu ao DSA uma auditoria nos postos de divisa com São Paulo e Mato Grosso do Sul, para saber a condição desses locais. A auditoria foi feita no começo de setembro, quando foram visitados todos os postos das divisas entre os dois Estados. O Paraná tem 33 postos nas fronteiras com SP, MS e Santa Catarina.

Caso, o ministério aceite as correções providenciadas, o Estado será autorizado a começar a retirada da vacinação, em sete meses, juntamente com o Acre, Rondônia, parte do Amazonas e de Mato Grosso, Estados que compõe o chamado bloco 1 do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (Pnefa). Atualmente o Paraná, que tem rebanho de 9,5 milhões de bovinos, faz parte do bloco 5 do Pnefa, cuja retirada da vacina está prevista para 2021. Se autorizado, caberá ao governo do Estado decidir pela antecipação ou não da retirada da vacinação.

Nesta semana, integrantes do DSA e representantes das 27 unidades federativas estiveram reunidos na Escola Nacional de Gestão Agropecuária (Enagro), em Brasília, para avaliar o primeiro ano de execução do Pnefa (2017/2026). Conforme Marques, para dar suporte ao programa, a Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA) está buscando no Congresso Nacional emendas parlamentares que garantam R$ 150 milhões para a defesa, dos quais R$ 100 milhões serão direcionados à saúde animal nos Estados.

Ainda conforme a nota do Ministério, o chefe da Divisão de Febre Aftosa do ministério, Diego Viali, informou que o cronograma do Pnefa está ocorrendo dentro do previsto, com os Estados do bloco 1 realizando as ações esperadas. Também estão sendo tomadas as medidas para organizar os blocos 2 e 3. Do 2, fazem parte Amazonas, Amapá, Pará e Roraima. O 3 é integrado por Alagoas, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO.
Foto: FAEP

Anterior Exportações de carne bovina batem recorde em setembro
Próxima Safra brasileira de grãos 2018/19 pode chegar a 238,5 mi de t

3 Comments

  1. 17 de outubro de 2018

    Thankfulness to my father who shared with me about this webpage, this blog is in fact amazing.

  2. 19 de outubro de 2018

    Fantastic beat ! I would like to apprentice while you
    amend your website, how can i subscribe for a blog site?

    The account helped me a acceptable deal. I had been a little bit acquainted of this your broadcast offered bright clear concept http://www.al24.ru/goto.php?goto=http://918.network/casino-games/76-sky777

  3. 19 de outubro de 2018

    My time is too precious to waste on fledgling sites. It can also allow
    the poster to earn an ongoing revenue either full-time or
    part-time. Your page must be look professional with zero errors. http://marketbhavishya.co.in/__media__/js/netsoltrademark.php?d=Www.Jschell.de%2Flink.php%3Furl%3Djom.fun%26goto%3Dgoogle_news

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.